Rotten TV
Resultados de busca: (22)

Rotten TV Daniel Lie

Assista online

Rotten TV é uma plataforma de pesquisa online que estuda o tema da Podridão. Idealizado e coordenado por Daniel Lie, o projeto aproveita as discussões da COP26 (Conferência das Partes das Nações Unidas) para patilhar trabalhos de artistas e pensadores que repensam ideias sobre morte, vida e renovação dos ecossistemas, articulando ideias que atravessam a noção de apodrecimento e seus mais diversos simbolismos.

CASA-ESCOLA: Ool por Luiza Crosman

Confira as pessoas selecionadas

CASA-ESCOLA é o projeto pedagógico da Casa do Povo. Ool é o nome desta edição, desenvolvida pela artista Luiza Crosman. O programa imersivo acontece entre agosto de 2021 e junho de 2022. Acesse a proposta completa aqui.

Acervos

Acesse online os acervos da Casa do Povo

O acervo documental e bibliográfico da Casa do Povo está disponível para consulta tanto online como presencial, e tende a ser uma fonte para pesquisa em diversos campos do saber. Saiba mais.

Arquivos de resistência em diálogo: raça, história e memória

08 de dezembro, 16h / Transmissão ao vivo

Entre os tantos desejos do projeto Arquivo em Movimento, está a conexão entre arquivos que, assim como o da Casa do Povo, trabalham sua memória como ferramenta do presente para criar outros modos de vida, hoje e no futuro.

Rádio ânsia

Acesse todos os programas

Rádio ânsia é uma plataforma de encontros sobre ecologias kuir. Um projeto da Universidad Desconocida (UU) com a Casa do Povo.

Chamada aberta: Escola do Shofar Yael Bartana / Kunstenfestivaldesarts (Bélgica)

Inscrições até 18 de setembro / 2020

A Casa do Povo se associa ao Kunstenfestivaldesarts (Bruxelas, Bélgica) e à artista Yael Bartana para revistar a tradição do shofar em uma série de quatro encontros que acontecem remotamente no mês de outubro. Saiba mais.

O que tem na mata?

13 de dezembro, 19h30 / A casa acolhe / 2018

No evento O que tem na mata? o público é convidado para participar de cantos e de uma conversa aberta sobre saber indígena, espiritualidade, arte, questões climáticas, plantas, proteção e sustentabilidade.

E se as mulheres governassem o mundo? Yael Bartana

08 de dezembro, 17h / Conversa aberta / 2018-19

Conversa aberta com a artista israelense Yael Bartana sobre seu projeto em andamento E se as mulheres governassem o mundo? [What if the women ruled the world?]

TravaLíngua TransOpera Meu fracasso é minha vitória

20 a 30 de novembro / Eventos acolhidos / 2018

Chamada aberta para travestis, transex, homens e mulheres trans, pessoas não binárias, negrxs, bichas, pocs e mulheres sapatão.

Lançamento Nossa Voz #1019

16 de fevereiro, a partir das 13h / Publicações / 2019

O noticiário do fim do mundo poderia preencher as páginas desta edição do jornal Nossa Voz, elaborada ao longo de 2018 em meio a tantas situações extremas. O jornal Nossa Voz é uma publicação permanente e gratuita da Casa do Povo.

MITsp / Conversas Como ser artista na Venezuela de hoje

12 de março, 15h / 2019

Nessa conversa, Deborah Castillo partilha com o público suas reflexões como artista diante do contexto atual de seu país.

Temporada 2019 Quando Quebra Queima

15, 22 e 29 de março, 20h / Performance / 2019

Depois de 1 ano da sua estreia na Casa do Povo, e de uma circulação por diversos espaços da cidade, a coletivA Ocupação apresenta uma nova temporada de Quando Quebra Queima.

Poéticas de resistência descolonização e imagem

04 e 06 de abril, 19h e 13h30 / A Casa acolhe / 2019

A Casa do Povo e o Parquinho Gráfico recebem a artista Sallisa Rosa para dois encontros de debate e produção em torno da colonização, com enfoque nos povos indígenas, como processo em andamento.

Grupo Mexa

O Grupo MEXA se utiliza de táticas artísticas para defender e promover o encontro da diversidade da população em situação de vulnerabilidade social. O grupo foi selecionado em 2016 pela Residência para Coletivos e desde então continua usando o espaço para o desenvolvimento de suas práticas.

Sí, Yo Puedo!

O Sí, Yo Puedo! luta pelo pleno direito a migração, e acredita na educação como principal ferramenta para a construção de uma sociedade efetivamente inclusiva e multicultural.

Estudos do comum

13 a 16 de novembro / Projetos / 2019

O programa propõe reunir agentes que compartilham e reinventam diariamente a noção de comum em contextos e espaços diversos: o quilombo urbano Casa Tainã, em Campinas, o Instituto Procomum, em Santos, o Casco Art Institute, em Utrecht (Holanda) e a Casa do Povo, em São Paulo.

Supremacia humana: o projeto falido por Daniel Lie

10 de agosto a 28 de setembro / Projetos / 2019

Supremacia humana: o projeto falido uma instalação site-specific é pensada como oferenda para a Casa do Povo.  O trabalho tem como protagonistas seres além-de-humanos, como fungos e bactérias, que se multiplicam e se transformam no decorrer da exposição.

Greve mundial pelo clima Sextas-feiras pelo futuro

06, 19 e 20 de setembro / Programação diversa / 2019

Em decorrência da Greve mundial pelo clima que acontece no dia 20 de setembro, a Casa do Povo acolhe neste mês uma programação organizada por iniciativas independentes e coletivos que discutem a crise ambiental e seu impacto na vida em sociedade.

Cozinha Aberta Almoço compartilhado

Sextas, das 13h às 15h / Bairro

Nas sextas-feiras de junho, a Metacozinha acolhe uma série de almoços preparados com alimentos descartados da feira da rua Antônio Coruja, do Bom Retiro. A ideia é que as refeições continuem a ser preparadas na Casa do Povo de forma que todos possam colaborar, tanto quem cozinha como quem almoça.

Oficina Kombucha Kuir por Universidad Desconocida

11 de maio, 14h às 18h / Inscrições abertas / 2019

Nesta oficina colaborativa, participantes são convidados a trazer de casa legumes prestes a apodrecer que serão utilizados na produção de fermentados com vinagres e açúcar.

Homenagem a Amós Oz

04 de maio, 14h às 20h / Eventos acolhidos / 2019

Casa do Povo, Instituto Brasil-Israel – IBI e Companhia das Letras convidam para um tributo ao intelectual israelense Amós Oz que faleceu em 2018, aos 79 anos. Além de uma programação diversa com debate, exposição e cinema, haverá o lançamento de duas obras do autor: Sumchi e Do que é feita a maçã.

Seminário Arquitetura para autonomia

30 de Março / A Casa Acolhe / 2019

Através da criação de um espaço de reflexão, diálogo e trocas de experiências, o evento pretende compartilhar uma inquietação – onde arquitetura, cidade, autonomia e educação se encontram?