Poéticas de resistência
descolonização e imagem

Poéticas de resistência
descolonização e imagem

poéticas
1/1

Roda de conversa

4 de abril, 19h


Oficina de lambes

6 de abril, 13h30

A Casa do Povo e o Parquinho Gráfico recebem a artista Sallisa Rosa para dois encontros de debate e produção em torno da colonização, com enfoque nos povos indígenas, como processo em andamento. Acompanhe a programação:



Roda de conversa

Descolonização e imagem

04 de abril, quinta-feira, 19h


A conversa sobre descolonização e identidades nativas contemporâneas parte da exibição de imagens propostas por Sallisa, como o fotofilme Oca do Futuro (9 min, 2018), de sua pesquisa e de outros profissionais da fotografia e artistas.



Oficina de lambes 

Poéticas de resistência

06 de abril, sábado, 13h30


A oficina segue com a reflexão sobre poéticas da resistência e processos de descolonização das imagens com a apresentação destes temas no trabalho da artista para que, em seguida, os participantes realizem a produção de cartazes e lambes relacionados às lutas indígenas no atual contexto político.


Para participar desta atividade, é necessário fazer inscrição neste link até dia 01/04. A oficina conta com 15 vagas, 8 para pessoas indígenas, 7 para pessoas não-indígenas.




Sobre Sallisa Rosa


Jornalista, fotógrafa, produtora de conteúdo e artista formada em jornalismo, mestre em criação e produção de conteúdo audiovisual pela UFRJ. Fez o fotofilme Oca do Futuro (2018) e instalação com o mesmo nome para o Museu de Arte do Rio, MAR (2017). Dedica-se a investigações contemporâneas de imagens e temas que a atravessam, como sua própria identidade, o universo feminino, futuro, ficção e descolonização.

  • June 2019
  • December 2018
  • January 2019
  • February 2019
  • March 2019
  • April 2019
  • May 2019